ITIL: Problemas e incidentes (pt1)

É muito comum encontrar em empresas uma separação entre analistas que tratam problemas e analistas que tratam incidentes, seja dentro do mesmo time, em times separados ou até setores separados.

Eu acredito que essa abordagem gera mais problemas do que resolve e, além disso,  discordo dos que dizem que o ITIL recomenda assim pois, o ITIL diz muita coisa, mas ele não diz o *como implementar*.

Por outro lado, se um cargo capacita a pessoa, minha opinião deve mesmo estar errada frente ao número de pessoas capacitadas que implementaram dessa forma.

Aqui reflito sobre essa questão e porque eu faria diferente.

Continuar lendo “ITIL: Problemas e incidentes (pt1)”

Foreman como provisionador (slides)

Continuando a série de artigos sobre o Foreman (Foreman como ENC para o Puppet e Foreman: instalação), trago aqui a apresentação entitulada “Foreman como provisionador” feita no Meetup DevOps Carioca 26/01/2017 .

Para mais detalhes, veja este post sobre o assunto.

Skynet client

Em 2014 estávamos construindo um novo Datacenter e um membro de outra equipe disse que estava enviando alertas de sua ferramenta de monitoramento via WhatsApp (em vez de sms). Gostei da idéia, mas claro que a coisa não parou no simples envio de alertas !

Como eu nunca tinha ouvido falar em ChatOps chamei de skynet-client, pois o envio de mensagens foi apenas a 1a fase do que, no final, proporcionava às máquinas falarem e tomarem decisões entre si.

Continuar lendo “Skynet client”

Foreman: ENC para o Puppet

No artigo passado vimos a instalação do Foreman. Neste vamos ver algumas de suas funcionalidades como classificador externo (ENC) para o Puppet.

Há muita documentação sobre Puppet relacionada à boas práticas em organização de módulos, roles, profiles, dados, parâmetros etc e o objetivo aqui não é falar deste assunto. Vamos apenas exemplificar, de forma objetiva, um cenário hipotético demonstrando alguns recursos do Foreman para classificação no Puppet.

Continuar lendo “Foreman: ENC para o Puppet”

Foreman: instalação

O Foreman se apresenta como uma ferramenta completa para o gerenciamento do ciclo de vida de servidores físicos e virtuais e, pra essa missão, se integra com diversas plataformas e ferramentas (VMware, AWS, OpenStack, Puppet, Ansible, Salt, Chef, DNS, DHCP, TFTP etc).

Ele provisiona servidores físicos e virtuais, os classifica utilizando sua ferramenta de gerenciamento de configuração e exibe em sua dashboard informações sobre os hosts, mudanças etc.

Nesse post vamos ver sua instalação e configuração básica.

Continuar lendo “Foreman: instalação”

Os sistemas do futuro se adaptarão aos sysadmins, não o contrário.

Lembram de uma propaganda antiga que dizia: “Não é você que tem que se adaptar ao site, mas o site se adaptar à você” ?

Pois é, estamos chegando nesse ponto com os sistemas Linux também. Pra quem utiliza bem as ferramentas de provisionamento e gerência de configuração pra levantar os serviços de forma totalmente automatizada, pouco importa se o Linux é um RedHat family ou Debian por exemplo.

Continuar lendo “Os sistemas do futuro se adaptarão aos sysadmins, não o contrário.”

Módulo Puppet para diversão: trollme

Se você vai tollar alguém, por que não fazer isso pelo Puppet ?

Qual sysadmin nunca colocou alguma brincadeira no /etc/motd do servidor de outro coleguinha, ou fez um alias de diversos comandos para o clássico ‘sl’, ou mesmo mudou a shell padrão de bash pra ksh ?

O módulo trollme contém classes e resource types que podem apenas causar surpresa ou até mesmo destruir o sistema inteiramente, mas claro, de forma divertida.

Continuar lendo “Módulo Puppet para diversão: trollme”